Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Após jejum de 30 anos, Liverpool conquista título inglês

    Time confirmou matematicamente a conquista após a derrota do segundo colocado, Manchester City

    Torcedores comemoram título do Liverpool do lado de fora do estádio Anfield
    Torcedores comemoram título do Liverpool do lado de fora do estádio Anfield Foto: Carl Recine/Action Images via Reuters (25.jun.2020)

    Reuters

    A espera de 30 anos do Liverpool pelo título inglês terminou nesta quinta-feira (25), quando o time do técnico Juergen Klopp se tornou matematicamente campeão da Premier League graças à derrota do segundo colocado Manchester City para o Chelsea, por 2 a 1.

    O resultado da partida disputada no estádio Stamford Bridge, em Londres, significa que o Liverpool tem uma vantagem inalcançável de 23 pontos sobre o City, com sete jogos restantes.

    Leia também:

    Austrália e Nova Zelândia sediarão Copa do Mundo Feminina em 2023

    O Liverpool foi o último campeão da Inglaterra antes da fundação da Premier League, quando conquistou o antigo título da Primeira Divisão em 1989/90. Desde então, o time viu Manchester United e Arsenal, e depois Chelsea e Manchester City, dominarem a liga nacional.

    Revigorado sob o comando de Klopp, o time do estádio Anfield conseguiu alcançar seu 19º título nacional, apenas um atrás do recorde de 20 do rival United, depois de terminar como vice-campeão para o City em uma emocionante corrida pelo título na temporada passada.

    Enquanto a partida entre Chelsea e City chegava aos acréscimos no estádio vazio em Londres, a 350 quilômetros dali, do lado de fora do estádio de Anfield, em Liverpool, torcedores começaram a acender sinalizadores marcando o início das comemorações. 

    Nos últimos 12 meses o Liverpool conquistou a Liga dos Campeões, a Supercopa da Uefa e o Mundial de Clubes da Fifa, mas reconquistar a posição de maior força na Inglaterra, algo que era uma constante nos anos 1970 e 1980, era a prioridade. 

    “Juergen tem sido fantástico e resume o que o Liverpool Football Club representa”, disse Kenny Dalglish, técnico da equipe campeã em 1989/90, ao BT Sport. 

    “E não apenas neste ano, no ano passado eles ficaram a um ponto de distância e na atual temporada perderam apenas uma vez”, acrescentou. “Para frente e para cima, eu acredito que eles terão muitos dias felizes pela frente agora”. 

    Apesar da pandemia do coronavírus forçar uma suspensão de três meses da temporada e atrasar a coroação do Liverpool, a equipe conquistou o título com um recorde de sete jogos de antecedência.

    A equipe multicampeã superou as marcas detidas por Manchester United (2000/01) e Manchester City (2017/18), que garantiram seus respectivos títulos com cinco jogos de antecedência. 

    Com 28 vitórias e apenas uma derrota em 31 jogos, o Liverpool estabeleceu um ritmo recordista e chegou a abrir 25 pontos de vantagem em fevereiro — a maior vantagem na história do Campeonato Inglês. 

    Não fosse pela paralisação sem precedentes, o Liverpool carimbaria o título mais cedo da história da liga. Em vez disso, o clube agora se torna a primeira equipe a levantar o troféu somente no final de junho.