Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Do gesto obsceno à vaga garantida: Breno Lopes, o “escolhido” de Abel Ferreira

    Atacante, que já se envolveu em polêmica com a torcida, hoje é titular absoluto no time palmeirense

    Breno Lopes comemora o gol do Palmeiras no jogo
    Breno Lopes comemora o gol do Palmeiras no jogo Reprodução/Twitter Palmeiras

    Edison Filhoda CNN

    Dia 15 de Setembro. Allianz Parque. Um jogo duro, acirrado e com pouca inspiração do Palmeiras, que buscava três pontos diante de um Goiás desesperado contra a zona do rebaixamento. O objetivo palmeirense era diminuir a diferença de pontos para o então líder, Botafogo. A torcida estava impaciente. Foi quando, aos 43 do segundo tempo, Abel Ferreira colocou em campo Breno Lopes no lugar de Zé Rafael.

    No primeiro lance dele, desequilibrado, perde uma chance clara de gol. Foi vaiado e xingado.
    Na jogada seguinte, a redenção. 51 minutos. Bate-rebate na área esmeraldina e ele, Breno Lopes, aparece entre os zagueiros para fazer “explodir” as arquibancadas. Um gol que misturou sentimentos de alegria, alívio e raiva.

    Breno Lopes correu em direção à principal torcida organizada do Palmeiras e fez gestos obscenos. Torcedores revidaram com xingamentos e uma forte cobrança.
    Ele se desculpou. Foi até a sede da torcida, se encontrou com líderes da organizada, gravou vídeo pedindo perdão e pediu um “voto de confiança” à massa palmeirense.
    Alguns jogos se passaram, e o Palmeiras, depois de um período ruim, quando ficou 4 jogos sem vencer, ressurgiu no Campeonato Brasileiro.

    Foi contra o Coritiba, fora de casa, com Breno Lopes titular, que o alviverde iniciou a sequência que o credenciaria a alcançar a liderança.
    Breno Lopes não saiu mais do time. Abel Ferreira sacou Artur, um dos mais promissores jogadores do elenco, para apostar em Breno. E assim será hoje, diante do América-MG no Allianz Parque. Partida que vale a manutenção da liderança e a certeza de que o título está cada vez mais próximo.

    “Muito bom jogar na nossa casa, tenho certeza que vai estar lotado o estádio. Eles vão nos apoiar como sempre fazem, cabe a nós dar o máximo nessa final para no fim a gente comemorar junto com a torcida”, disse o atacante que fará dupla com Endrick na “decisão” diante dos mineiros à TV Palmeiras.

    O Palmeiras terá, além do América-MG, mais dois jogos neste Campeonato Brasileiro. No próximo sábado, Breno Lopes e companhia enfrentam o Fluminense, na Arena Barueri, e, na última rodada, o Cruzeiro, no Mineirão.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas