Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Messi supera Lewandowski e leva Bola de Ouro pela sétima vez; Neymar é 16º

    Premiação aconteceu nesta segunda-feira (29), em Paris

    Raphael Coraccinida CNN

    Em São Paulo

    Lionel Messi foi eleito pela France Football como o melhor jogador do mundo em 2021. O jogador argentino conquistou sua sétima Bola de Ouro na carreira nesta segunda-feira (29).

    O atacante do Paris Saint-Germain é o maior vencedor da premiação e levou o título também em 2019, quando foi realizada a última votação. Em 2020, a eleição ficou suspensa por causa da pandemia de Covid-19.

    O mais bem colocado entre os brasileiros foi, mais uma vez, Neymar. O atacante da seleção brasileira ficou na 16ª colocação entre 30 nomes selecionados.

    O maior concorrente de Messi neste ano foi o polonês Robert Lewandowski, que ficou com a segunda posição e com o prêmio de melhor atacante do ano.

    Votação

    A escolha do melhor jogador do mundo da revista francesa acabou no dia 24 de outubro e foi feita por 180 jornalistas do mundo todo convidados a votar por e-mail.

    Alguns dos critérios de desempenho, segundo a própria France Football, são desempenho individual e da equipe no ano de referência (2021, além do talento do jogador como um todo e o desempenho geral ao longo da carreira.

    Maiores vencedores

    Messi foi o último jogador a ganhar o prêmio, em 2019, chegando à sua sexta Bola de Ouro. Ele vinha dominando a competição junto com o português Cristiano Ronaldo. Nos últimos 12 troféus, Messi ou Cristiano levaram todos, com apenas uma exceção.

    O meio-campista do Real Madrid Luka Modric venceu e causou um hiato no monopólio exercido entre os dois.

    Depois de Messi, Cristiano Ronaldo é o maior vencedor, com cinco conquistas. Na terceira posição estão três grandes jogadores da história do futebol, dois deles, holandeses. Johann Cruyff e Marco van Basten venceram por três vezes o prêmio de melhor jogador do mundo segundo a publicação francesa.

    Os holandeses dividem a terceira posição entre os maiores ganhadores com o francês Michel Platini.

    O brasileiro Ronaldo divide posição com o inglês Kevin Keegan e o argentino Alfredo Di Stéfano. Todos com dois títulos cada.

    Confira os anos nos quais os maiores vencedores conquistarem seus troféus:

    • Lionel Messi: 2009, 2010, 2011, 2012, 2015, 2019
    • Cristiano Ronaldo: 2008, 2013, 2014, 2016, 2017
    • Johann Cruyff: 1971, 1973 e 1974
    • Michel Platini 3: 83, 84, 85
    • Marco van Basten 1986, 1989, 1992
    • Ronaldo 1997, 2002
    • Kevin Keegan, 1978, 1979
    • Alfredo Di Stéfano 1957, 1959

    Lista revisada

    Na lista revisada, lançada pela France Football em 2016, o maior vencedor do prêmio era Pelé, que teria sete títulos de melhor do mundo (1958, 1959, 1960, 1961, 1963, 1964 e 1970). Na lista alternativa, Messi se iguala ao brasileiro na primeira posição.

    France Football e prêmio da Fifa

    A Fifa entregará o troféu oficial de melhor jogador do mundo em janeiro de 2022. Durante um curto período, entre 2010 e 2015, France Football e Fifa unificaram os prêmios.

    Antes disso e desde então, o prêmio da revista francesa serve como um prêmio à parte, além de um indicativo para o troféu oficial.

    Posições de Neymar 

    Neymar tem sido um solitário representante do Brasil entre os melhores, mas não chegou a figurar na última premiação, em 2019.

    Confira todas as posições do atacante do PSG desde quando concorreu pela primeira vez:

    • 2013 – 5º
    • 2014 – 7º
    • 2015 – 3º
    • 2016 – 5º
    • 2017 – 3º
    • 2018 – 12º
    • 2019 – não foi indicado
    • 2020 – não houve premiação
    • 2021 – 16º