Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    MP recomenda banimento de duas organizadas do Cruzeiro após invasão em Curitiba

    Máfia Azul e Pavilhão Independente invadiram estádio Durival de Britto durante derrota celeste para o Coritiba

    Organizadas do Cruzeiro invadiram estádio Durival de Britto
    Organizadas do Cruzeiro invadiram estádio Durival de Britto Gabriel Machado/ Agif/ Gazeta Press

    Túlio Kaizerda Itatiaia

    O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) recomendou à Federação Mineira de Futebol (FMF) o banimento de Máfia Azul e Pavilhão Independente, organizadas do Cruzeiro, em todos os estádios do Brasil.

    Para o MP, a Máfia Azul deveria ser banida por dois anos a partir de 15 de março de 2024, dia em que se encerra outro banimento da torcida organizada. Por outro lado, a Pavilhão Independente deveria ser banida por 12 meses a partir desta segunda-feira (13), data da recomendação.

    O MP recomenda que, durante o período de banimento, as torcidas sejam proibidas de frequentar o entorno dos estádios nos dias de jogos, considerado o raio de cinco quilômetros do local da partida. Também é recomendada a proibição de uso, porte e exibição de qualquer vestimenta, faixa, bandeira, instrumento musical ou outro objeto que possa caracterizar a presença da torcida nos estádios.

    O pedido de punição aconteceu após os episódios do último sábado (11). As principais torcidas organizadas do Cruzeiro invadiram o gramado do Durival de Britto, após o time sofrer o gol do Coritiba na reta final da partida, que terminou com a vitória do Coxa por 1 a 0, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

    Os jogadores das duas equipes precisaram correr para os vestiários do estádio. Dono de 90% da SAF do clube celeste, Ronaldo Fenômeno estava em um dos camarotes e acompanhou a briga generalizada.

    Ainda houve confronto com a torcida Império Alviverde, do Coritiba, que também invadiu o campo de jogo. A partida foi paralisada e policiais tiveram que intervir para acabar com a confusão.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original