Polícia grega recupera pinturas de Picasso e Mondrian roubadas de museu

Um terceiro item levado no roubo, um esboço a bico de pena do artista renascentista Guglielmo Caccia, não foi recuperado

"Cabeça de Mulher", pintura de Picasso recuperada pela polícia grega
"Cabeça de Mulher", pintura de Picasso recuperada pela polícia grega Foto: Handout/National Art Gallery, Athens/Hellenic Police

Oscar Holland, da CNN

Ouvir notícia

Obras de arte desaparecidas de Pablo Picasso e Piet Mondrian foram recuperadas pela polícia grega quase uma década depois de terem sido roubadas em um assalto a um museu.

As duas pinturas, que haviam sido roubadas da Galeria Nacional de Arte de Atenas, foram descobertas na segunda-feira (28), com um suspeito preso em conexão com o roubo, confirmou um porta-voz da polícia grega.

“Cabeça de Mulher” de Picasso e “Paisagem com Moinho” de Mondrian estavam entre as três obras de arte apreendidas em uma invasão matinal em 2012. Na época, os policiais disseram que os invasores interferiram no sistema de alarme durante a noite, ativando-o repetidamente até que este fosse desativado pelos guardas do museu.

"Paisagem com Moinho", Piet Mondrian
“Paisagem com Moinho”, Piet Mondrian
Foto: Handout/National Art Gallery, Athens/Hellenic Police

Os invasores então invadiram a área de exposição temporária da galeria através de uma porta com moldura de alumínio em uma varanda. Um detector de movimento foi ativado durante o roubo, levando um guarda a persegui-lo, embora ele não tenha conseguido capturar o suspeito em questão.

Retratando uma mulher em blusa branca contra um fundo azul, o retrato de Picasso recuperado, “Cabeça de Mulher”, foi doado à Grécia após a Segunda Guerra Mundial em reconhecimento à resistência do país à ocupação nazista. O reverso está inscrito com uma mensagem do artista espanhol que diz: “Para o povo grego, uma homenagem de Picasso.”

A segunda pintura, “Paisagem com moinho” de Mondrian, é uma obra figurativa menos conhecida de um artista conhecido por seu estilo abstrato. Um terceiro item levado no roubo, um esboço a bico de pena do artista renascentista Guglielmo Caccia, não foi recuperado.

Rascunho de Guglielmo Caccia de São Diego de Alcala
Rascunho de Guglielmo Caccia de São Diego de Alcala não foi recuperado
Foto: Handout/National Art Gallery, Athens/Hellenic Police

O roubo ocorreu no último dia de uma exposição intitulada “Tesouros Desconhecidos”, que também apresentava gravuras e gravuras de artistas como Albrecht Duerer e Rembrandt van Rijn.

Os ladrões haviam pego uma quarta obra no roubo – “Paisagem com uma fazenda”, também de Mondrian – embora ela tenha sido deixada para trás durante a fuga.

Citando um policial, que falou sob condição de anonimato, a Reuters relatou que as duas obras de arte recuperadas foram encontradas escondidas em um desfiladeiro na área metropolitana de Atenas.

(Texto traduzido. Leia o original em inglês.)

Mais Recentes da CNN