Paraguai suspende eventos públicos e aulas por causa de coronavírus

O primeiro caso foi confirmado no país há três dias

Da CNN Brasil, em São Paulo
11 de março de 2020 às 02:23
 
Projeção da Nexu Science Communication, em conjunto com o Trinity College, em Dublin, mostra modelo estruturalmente representativo de um betacoronavírus, tipo vinculado ao Covid-19
Foto: Nexu Science Communication/Reuters



O governo do Paraguai anunciou nesta terça-feira (10) a suspensão de eventos públicos em grande escala e atividades educacionais por 15 dias para impedir a propagação do novo coronavírus (COVID-19), três dias após a confirmação do primeiro caso no país.

O ministro da Saúde Pública, Julio Mazzoleni, disse que os eventos públicos ou privados com participação de grande número de pessoas - como shows, práticas esportivas, reuniões políticas ou religiosas, além de atividades educacionais - seriam suspensos "em todos os níveis por um período de 15 dias".

No balanço do fim da noite de terça, a doença já ultrapassava mais de 199.000 registrados mundialmente, com mais de 4.200 mortes.

Até o momento, o Paraguai possui cinco casos confirmados. O Brasil é o país da América Latina com maior número de confirmações da doença (34 pessoas), seguido de Argentina (19 casos, com uma morte), Equador e Chile (ambos com 17 casos). 

(Com Agência Brasil)