'Não sabemos quando vamos voltar para casa', diz brasileira na África do Sul

Brasileira relata situação de cidadãos que não conseguem voltar ao país por conta de cancelamento de voos na África do Sul

da CNN em São Paulo
26 de março de 2020 às 15:59

Em Johanesburgo, na África do Sul, a brasileira Barbara Braz relatou à CNN, nesta quinta-feira (26), o drama de brasileiros que estão sem saber quando irão conseguir voltar para casa por conta das restrições em relação ao coronavírus. 

"Muitos brasileiros foram impactados. Não é uma situação que só eu estou vivendo. A gente tem aqui mais de 200 brasileiros que não sabem quando voltam para casa", disse ela. "Isso aconteceu, principalmente, devido a uma série de cancelamentos da Latam, que começou no dia 22 de março. Todos desde esse dia foram cancelados", acrescentou.

Bárbara ainda disse que alguns brasileiros têm recebido auxílio, mas outros estão por conta própria. "Muitas estão se hospedando por conta própria, desembolsando esse valor de alimentação, transporte e acomodação", afirmou ela. "Tem relatos de brasileiros que ainda estão no aeroporto e não têm para onde ir", acrescentou. 

A situação pode ficar mais crítica, já que, segundo ela, alguns hotéis estão encerrando as operações nesta quinta e estão pedindo para os hóspedes, incluindo os brasileiros, se retiraram. "Acabou ficando mais complicado por conta do lockdown e algumas pessoas estão sem saber o que fazer", afirmou. "Tudo vai ficar fechado e a gente não sabe quando vai conseguir voltar para casa".

Até a tarde desta quinta, a África do Sul registrou 927 casos da COVID-19 e não tem mortes divulgadas, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).