Governador Cuomo diz que ápice da pandemia em NY já passou

Governador usou como base para seu ponderado otimismo a queda nas internações em UTI no estado, que nos últimos três dias caiu de 18,3 mil para 17 mil

18 de abril de 2020 às 14:09 | Atualizado 18 de abril de 2020 às 14:09
Governador de Nova York, Andrew Cuomo, durante entrevista coletiva
Foto: Jeenah Moon - 27.mar.2020/ Reuters

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, disse neste sábado (18) que o ápice das contaminações por coronavírus no estado passou e demonstrou um otimismo cauteloso com o prognóstico de evolução da pandemia na região, a mais afetada dos EUA pela COVID-19, nos próximos dias. 

"Se você olhar para os últimos três dias, pode argumentar que passamos o ápice e estamos começando a descer, o que seria uma notícia muito boa", disse Cuomo ao apresentar os números diários da doença. "Apesar disso, os números de novas internações são arrebatadores."

O governador usou como base para seu ponderado otimismo a queda nas internações em UTI no estado, que nos últimos três dias caiu de 18,3 mil para 17 mil. As mortes nas últimas 24 horas somam 540, o menor número desde 1º de abril. O número de internações diárias está em uma média de 2 mil por dia, similar ao do fim de março, quando a epidemia ainda estava em ritmo ascendente.

Os Estados Unidos são o país mais atingidos pela doença no mundo, com mais de 711 mil casos e 37 mil mortes.