Visões sobre 'caos' serão o centro do debate entre Kamala e Pence, diz analista

A CNN Brasil vai transmitir nesta quarta-feira (7) o debate entre os candidatos a vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence e Kamala Harris

Da CNN
07 de outubro de 2020 às 16:21 | Atualizado 08 de outubro de 2020 às 01:04

O analista político Peter Schechter, que mora há décadas nos Estados Unidos, afirmou à CNN, nesta quarta-feira (7), que o debate entre a democrata Kamala Harris e o republicano Mike Pence, respectivamente candidatos a vice de Joe Biden e Donald Trump, será "mais tradicional", mas deve centralizar no que classificou como "caos" nos Estados Unidos.

"Acho que hoje veremos um debate muito diferente e mais tradicional, além de muito mais calmo entre duas pessoas que querem convencer que são capazes de tomar as rédeas se isso for necessário", disse ele, que classificou o primeiro debate presidencial como "terrível" e com toques de "agressividade e arrogância".

Leia e assista também:

Equipe de Pence muda de ideia e concorda com barreira entre candidatos em debate
Debate entre Kamala e Pence deve ter menos atritos, diz cientista político
Pence se prepara para debate, apesar da pequena chance de mudar disputa nos EUA

A democrata Kamala Harris e o republicano Mike Pence
A democrata Kamala Harris e o republicano Mike Pence
Foto: Reprodução/CNN Brasil (7.out.2020)

Para o analista político, "os dois candidatos vão querer definir uma visão de caos" cada qual com seu lado argumentativo. 

De acordo com ele, Kamala vai querer argumentar que o que temos nos Estados Unidos virou um caos com Covid-19 — bastando dar uma olhada para a Casa Branca — com 200 mil mortes no país e um governo que não seguiu critérios científicos.

Schechter também destacou que a pauta racial deve ser levada ao debate. Segundo ele, Pence deve explorar a violência dos protestos de rua registrados no país. "As duas visões de caos vão ser o centro do debate de hoje à noite", concluiu.

No debate, o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, e a indicada a vice pelo Partido Democrata, Kamala Harris, ficarão a uma distância de 3,5 metros de cada um, para que mantenham maior distanciamento.

O espaço é maior do que o originalmente planejado e foi ampliado em razão da disseminação do novo coronavírus dentro da Casa Branca. Na sexta-feira (2), o presidente Donald Trump e a mulher, Melania, foram diagnosticados com a doença.

O debate entre Kamala e Pence será realizado em Salt Lake City, em Utah, e será o único entre os dois candidatos a vice.

(Edição: Leonardo Lellis)