Trump diz estar curado da Covid-19 e voltará à campanha na segunda-feira

Passei o maior teste, com os níveis mais altos, e estou em grande forma", disse o presidente. "Parece que estou imune", afirmou o presidente

Reuters
11 de outubro de 2020 às 13:00 | Atualizado 11 de outubro de 2020 às 14:37

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse neste domingo que não tem mais a Covid-19 e não pode mais transmitir a doença. À Fox News, ele disse que poderá retornar à campanha a partir de manhã.

Leia mais:
Negros, latinos, China e segurança: Os temas abordados por Trump em discurso

Donald Trump discursa pela primeira vez após diagnóstico de Covid-19 (10.out.2020)
Foto: CNN Brasil


No sábado, o médico de Trump, Sean Conley, disse que o presidente não transmitia mais o vírus, mas não deixou claro se ele já testou negativo para o vírus.

"Passei o maior teste, com os níveis mais altos, e estou em grande forma", disse o presidente. "Parece que estou imune."

Trump foi diagosticado com a Covid-19 no dia 1° e chegou a ser internado por três dias em um hospital militar em Maryland após apresentar febre alta e baixa oxigenação.

Ontem, ele fez um discurso para partidários nos jardins da Casa Branca, com foco no eleitorado negro e latino.