Mais de 7 milhões de americanos já votaram para as eleições até o momento

Os pedidos de votação em 38 estados, seja por correio ou por alguma forma de votação antecipada em pessoa, ultrapassaram 35 milhões nesta semana

Da CNN
12 de outubro de 2020 às 18:36 | Atualizado 12 de outubro de 2020 às 18:37
Donald Trump e Joe Biden durante debate em Cleveland: milhões de eleitores já votaram para as eleições gerais
Foto: Morry Gash - 29.set.2020/ Reuters

Cerca de 7,3 milhões de americanos já votaram para as eleições gerais, de acordo com uma pesquisa da CNN e da Edison Research com funcionários eleitorais em 36 estados americanos. 

Mais de 4,3 milhões desses votos vêm de 12 dos estados mais competitivos ranqueados pela CNN. E os democratas lideram os republicanos em todos os seis estados que relatam retornos por partido.

Esses dados não preveem o resultado de qualquer corrida eleitoral, já que pesquisas em todo o país mostram que os republicanos preferem votar pessoalmente no dia da eleição, 3 de novembro, em vez de previamente.

Leia também:
Por que Trump pode deixar isolamento mesmo sem teste negativo para Covid-19?
Como funciona o registro de eleitores nos Estados Unidos

A informação contém insights e detalhes sobre quem está votando antes de 3 de novembro. Embora os resultados representem uma pequena fração do número esperado de cédulas a serem lançadas em 2020 – Donald Trump e Hillary Clinton receberam cerca de 130 milhões de votos combinados há quatro anos – alguns estados relataram que o número de solicitações e devoluções de votos já atingiu recordes.

Os pedidos de votação em 38 estados, seja por correio ou por alguma forma de votação antecipada em pessoa, ultrapassaram 35 milhões nesta semana.

Espera-se que os votos do dia pré-eleitoral em todo o país aumentem rapidamente à medida que o país se aproxime das eleições de 3 de novembro. Até o final da semana, as cédulas estarão disponíveis em todos os 50 estados e em Washington, DC.

Retrato de Iowa

“Mais de 700 mil habitantes de Iowa solicitaram cédulas de abstenção para as eleições gerais de 2020, ultrapassando o recorde estadual de solicitações de abstenção em uma eleição”, tuitou o secretário de Estado de Iowa, Paul Pate, esta semana. "O recorde anterior era de mais de 693.000, estabelecido em 2016."

Retrato de Ohio

Os quase 2,2 milhões de solicitações de voto de Ohio praticamente dobraram as solicitações do início de outubro de 2016. O estado recebeu mais de 158.000 pedidos em uma semana, disse o gabinete do secretário de Estado Frank LaRose esta semana.