Idosa de 109 anos sai de casa para votar antecipadamente nos Estados Unidos

Prestes a completar 110 anos, ela poderia ter votado pelo correio; eleição presidencial americana acontece em 3 de novembro

Da CNN, em São Paulo
23 de outubro de 2020 às 16:13


Nos Estados Unidos, uma idosa de 109 anos de idade chamou a atenção sobre a importância de votar.

Acompanhada da família, ela fez questão de sair de casa, em meio à pandemia do novo coronavírus, e registrar o voto antecipadamente no Texas.

Assista e leia também:

Eleições nos EUA: 7 lições do último debate entre Trump e Biden

Os momentos-chave do último debate presidencial entre Trump e Biden

Senhora de 109 anos vota antecipadamente nos EUA
Foto: Reprodução/CNN (23.out.2020)

Prestes a completar 110 anos na próxima segunda-feira (26), ela poderia ter votado pelo correio. Mas em conversa com a CNN Internacional, ela disse que preferiu ir pessoalmente, para que as pessoas entendam a importância de votar e a diferença que o voto pode fazer.

Nos EUA, o voto não é obrigatório. No total, já foram registrados mais de 50 milhões de votos antecipados para a eleição do dia 3 de novembro.

(Edição: Sinara Peixoto)