França vai impor toque de recolher a partir do dia 15 para conter Covid-19

Número de casos não caiu tanto quanto governo esperava

da CNN*
10 de dezembro de 2020 às 14:41
Médicos tratam paciente com Covid-19 nos arredores de Paris, na França
Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters (17.nov.2020)

O governo francês anunciou nesta quinta-feira (10) que irá impor um toque de recolher a partir da próxima terça-feira (15) para conter o avanço da Covid-19.

A movimentação estará limitada das 20h às 6h, exceto na véspera de Natal, em que a regra não será aplicada.

Algumas restrições, no entanto, foram aliviadas: será possível viajar de uma região para outra e não será mais necessário carregar um atestado que comprova o motivo de sair de casa.

Leia também:

França irá flexibilizar regras de restrição social em três fases, diz governo

França é primeiro país europeu a atingir marca de 2 milhões de casos da Covid-19

O primeiro-ministro, Jean Castex, também disse que cinemas, teatros, museus, bares e restaurantes continuarão fechados. "Temos que fazer o possível para evitar uma terceira onda de infecções", declarou. 

A mudança nos planos acontece após o número de casos não cair tanto quanto o governo esperava. "A melhora na situação da saúde está estagnada há uma semana, essa batalha está longe de ser vencida", afirmou Castex. 

Atualmente, há cerca de 14 mil casos diários no país —a meta, até o dia 15, era de chegar na média de 5.000 novos registros. 

(*Com informações da Reuters)