Papai Noel dá boas-vindas aos visitantes em parque temático gelado da China

Vila possui esculturas de neve gigantes, criando uma versão chinesa da famosa Aldeia do Papai Noel em Rovaniemi, na Finlândia

Por Xihao Jiang e Carlos Garcia Rawlins, da Reuters
21 de dezembro de 2020 às 14:59
Visitante tira foto com Papai Noel
Foto: Xihao Jiang / Reuters

Papai Noel e seus duendes estão ocupados transformando uma vila natalina no norte da China em uma das maravilhas de inverno para os visitantes.

Em uma casa de madeira de dois andares com cerca de 100 bonecos de Natal, o personagem de barba branca em um traje vermelho anota os desejos com uma pena e posa com turistas no parque temático nos arredores de Mohe, a cidade mais ao norte da China.

Leia também 
Papai Noel sofre acidente em voo de paraglider nos Estados Unidos
Natal deve ser marcado por preço alto, busca por pechincha e falta de produtos

"Se eles querem cartões postais, eu anoto os desejos e os convidados podem enviar esses cartões para seus amigos ou pais", disse o finlandês Ville Haapassallo, de 35 anos, que está trabalhando no parque como Papai Noel até março.

A vila possui um correio de Natal e esculturas de neve gigantes, criando uma versão chinesa da famosa Aldeia do Papai Noel em Rovaniemi, na Finlândia.

Mohe, conhecida como a cidade ártica da China, detém o recorde de temperatura mais baixa, menos 52,3 Celsius, em 13 de fevereiro de 1969.

Para a maioria dos visitantes, o destaque da viagem é a realização de um desejo antigo de conhecer o Papai Noel.

"Realizei meu sonho de infância", disse Huang Liwen, de 30 anos, que viajou para Mohe da província de Guangdong, no sul da China.

"É um verdadeiro Natal agora na vila do Papai Noel, onde podemos ver o verdadeiro Papai Noel... Valeu muito a pena a viagem."