Reino Unido: família real é acusada de violar os protocolos de quarentena

Membros da família real foram vistos próximos da residência da rainha, caminhando em grupos de mais de seis pessoas

Max Foster e Jack Guy, da CNN
22 de dezembro de 2020 às 18:34
Vista da residência de Norfolk, Sandringham
Vista da residência de Norfolk, Sandringham
Foto: Divulgação

Membros da família real britânica foram fotografados aparentemente infringindo alguma regras de afastamento para evitar a transmissão do coronavírus no Reino Unido. As violações aconteceram em um passeio a um parque em Sandringham, Inglaterra.

Os Royals, incluindo o duque e a duquesa de Cambridge e seus filhos, foram fotografados na proximidade de outros membros da família em um parque no domingo, de acordo com a mídia britânica Mail Online.

Leia e assista também:

Coronavírus chega aos confins da Terra ao atingir a Antártida
Panda-gigante mais velha do mundo morre em zoológico na China



O príncipe William e sua família estavam caminhando ao lado de seu tio, o príncipe Eduardo e sua família, enquanto visitavam uma  floresta com tema natalino perto da residência da rainha em Norfolk, Sandringham, de acordo com o Mail Online.

As fotos compartilhadas pelo canal parecem mostrar mais de seis pessoas presentes, com as duas famílias em pé na Proximidade enquanto visitam Luminate Sandringham.

Os visitantes da atração devem permanecer em grupos de no máximo seis pessoas durante a visita, de acordo com a orientação emitida pelos organizadores da caminhada pela floresta, Luminate Sandringham. Em resposta ao artigo, uma fonte de Sandringham disse à CNN que "houve momentos na caminhada de 90 minutos em que foi difícil manter os dois grupos familiares separados, principalmente nos gargalos da trilha."

"As duas famílias receberam slots consecutivos separados para visitar a trilha pouco antes de ela ser aberta ao público em geral. Eles chegaram e partiram em seus próprios grupos familiares", acrescentou a fonte.

O Reino Unido está atualmente lutando contra um aumento nos casos de coronavírus e o surgimento de uma variante potencialmente mais contagiosa. No fim de semana, o primeiro-ministro Boris Johnson impôs medidas mais rígidas - Nível 4 - em Londres e outras áreas no sudeste da Inglaterra.

Aqueles que vivem em áreas de Nível 4 foram solicitados a não visitar a atração, que está localizada em uma área de Nível 2, de acordo com os organizadores. "Tenha certeza de que a saúde e segurança de nossos visitantes e funcionários continuam sendo nossa consideração primordial, especialmente no que diz respeito a pandemia, que está em constante evolução", disse a Luminate em um comunicado.

"Pedimos que todos os nossos visitantes respeitem uns aos outros e aos seus colegas durante a visita", acrescentou Luminate.

Como parte dos novos regulamentos do coronavírus emitidos pelo governo antes do natal, aqueles que residem em áreas de Nível 2 foram solicitados a limitar as reuniões ao ar livre a não mais de seis, incluindo crianças de qualquer idade.

"Você pode continuar a se reunir em um grupo maior do que seis se todos vocês forem da mesma família ou apoiar o Bubble ou outra isenção legal se aplicar", disse o Departamento de Saúde e Assistência Social do Reino Unido no sábado.