Pessoas se aglomeram para aniversário de gato e 15 se contaminam com Covid-19

Larissa Santos, colaboração para a CNN
27 de janeiro de 2021 às 21:52 | Atualizado 27 de janeiro de 2021 às 21:55
Festa de gato foi foco de contaminação do novo coronavírus
Foto: Christina Hernández/Unsplash


Uma festa feita para comemorar o aniversário de um gato foi o foco de disseminação do novo coronavírus entre todos os 10 convidados e mais cinco pessoas que tiveram contato próximo, na região de Valparaíso, no Chile.  

De acordo com o jornal argentino Clarín, parte dos convidados teve graves complicações no quadro da doença. 

O governo chileno confirmou um pequeno surto de Covid-19 na comuna de Santo Domingo, na região de Valparaíso. Em uma entrevista à Rádio Bío Bío, o secretário regional de Saúde, Francisco Alvarez, atestou que o surto se deu por uma festa de aniversário de um animal de estimação.

À rádio, Alvarez comentou: "Quando descobri que era o aniversário do gato achei que era brincadeira, talvez tenham falado para esconder algo. Mas foi assim mesmo (...) corroboramos porque pelo menos seis dessas 15 pessoas nos disseram o mesmo.”  

Segundo o secretário de Saúde, os registros oficiais mapeiam que a dona do animal foi a paciente número zero, e que os 10 convidados presentes pegaram o vírus na festa. 

Além disso, outras cinco pessoas que tiveram contato próximo também foram contaminadas. Da festa, apenas o gato não foi infectado.

Entre dezembro e janeiro, o Chile teve uma alta de contaminação, chegando ao número de 709.888 casos no país.

No início do mês de janeiro, o Chile registrou o segundo caso da nova variante britânica da Covid-19 em uma cidadã que viajou para a Inglaterra e retornou ao país em dezembro. O caso fez com que o país exigisse uma quarentena de no mínimo sete dias para viajantes internacionais.

Nesta quarta-feira (27), o país aprovou o uso emergencial da vacina AstraZeneca e liberou a entrada de 6 milhões de doses no país neste ano.