Governo Biden atingirá 100 milhões de vacinas aplicadas dois meses após posse

Meta de imunização será superada nesta sexta-feira (19); país já tem 16% da população adulta imunizada contra a Covid-19

Núria Saldanha, da CNN, em Washington
19 de março de 2021 às 13:42

58 dias após a posse, o governo Joe Biden deve atingir a marca de 100 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas nesta sexta-feira (19). Em janeiro, ao anunciar um pacote trilionário para ajudar a economia americana se recuperar dos efeitos da pandemia, Biden prometeu vacinar 100 milhões de americanos em 100 dias.

Nos Estados Unidos, 16% da população adulta já está imunizada, o equivalente a 70 milhões de americanos. Apesar de Biden atingir a marca das 100 milhões de doses, parte dessas aplicações aconteceu ainda no governo de Donald Trump. O atual presidente, entretanto, celebra a conquista, mas pede que as pessoas não relaxem nos cuidados e continuem prevenindo-se da Covid-19.

A Casa Branca está investindo milhões de dólares para acelerar o processo de imunização e também na ampliação de testes porque teme uma quarta onda de infecções. A preocupação agora é com as variantes do Reino Unido e do Brasil, que já circulam no país. A nível nacional, os casos de Covid-19 estão caindo nos Estados Unidos, mas 14 estados registram alta de novas infecções. 

Biden também pediu para os governadores abrirem a vacinação para todos os públicos até o dia 1º de maio. Os estados do Alaska e Mississipi são os únicos que já aplicam vacinas em todas as pessoas acima dos 18 anos.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden
Foto: Kevin Lamarque/Reuters