Biden diz que vai aumentar limite máximo de admissões de refugiados nos EUA

Presidente norte-americano assinou uma ordem estendendo o limite então imposto por seu antecessor, o ex-presidente Donald Trump

Jarrett Renshaw, da Reuters em Delaware
17 de abril de 2021 às 18:12
Joe Biden
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante coletiva de imprensa
Foto: CNN (25.mar.2021)

 O presidente Joe Biden disse neste sábado (17) que vai aumentar o número máximo de 15 mil refugiados admitidos este ano nos Estados Unidos.

O limite de 15 mil foi estabelecido pela primeira vez por seu antecessor, o ex-presidente Donald Trump.

Biden assinou uma ordem na sexta-feira (16) estendendo esse limite até o ano fiscal do governo, que termina em 30 de setembro.

Ele arquivou um plano anunciado em fevereiro para aumentar o limite para 62.500.