Polícia britânica descobre mina de bitcoins após busca por plantação de maconha

Aparato roubava eletricidade da rede nacional para manter o abastecimento energético 

Anna Gabriela Costa, da CNN, em São Paulo
28 de maio de 2021 às 22:26 | Atualizado 28 de maio de 2021 às 22:30
Polícia descobriu mina de criptomoedas em cidades do Reino Unido
Polícia descobriu mina de criptomoedas em cidades do Reino Unido
Foto: Divulgação/ West Midlands Police

Uma ocorrência inusitada foi divulgada pela polícia britânica nesta semana; agentes da cidade de Birmingham, no Reino Unido, desconfiaram que em uma fazenda havia uma plantação de maconha, mas ao chegarem ao local descobriram uma 'mina' de criptomoedas. O aparato roubava eletricidade da rede nacional para manter o abastecimento energético. 

As redes de alta tensão, cabos e os dutos de ventilação, além de grande circulação de pessoas, fizeram a polícia desconfiar que no local funcionava uma plantação de maconha. 

"Um drone da polícia detectou uma fonte de calor temperada vinda de cima. São todos sinais clássicos de fábricas de cannabis - mas quando os oficiais conseguiram entrar, encontraram um enorme banco com cerca de 100 unidades de computadores. Parecia ser uma operação de mineração de Bitcoin", disse a polícia por meio de um comunicado. 

De acordo com a polícia, a 'mina' de criptomoeda estava roubando milhares de libras em eletricidade.

"Descobrimos uma "mina" de criptomoeda que estava roubando milhares de libras em eletricidade da rede elétrica. Os policiais forçaram a entrada das instalações, seguindo informações de inteligência, que sugeriram que ela estava sendo usada como uma fazenda de cannabis", afirmou a polícia. 

Os equipamentos de tecnologia foram apreendidos. A sargenta da polícia local, Jennifer Griffin disse: “Certamente não é o que esperávamos! Tinha todas as características de uma configuração de cultivo de cannabis, e eu acredito que é a segunda 'cripto-mina' que encontramos em West Midlands".

“Meu entendimento é que a mineração de criptomoedas não é ilegal em si, mas claramente o roubo de energia da rede elétrica é", acrescentou Griffin.

Ninguém foi preso pois o local estava vazio quando os agentes chegaram. Entretanto, uma investigação foi aberta para esclarecer o caso.