Com apuração em estados-chaves na reta final, Biden pede paciência

O democrata voltou a defender que cada voto seja contado

Ouvir notícia
 

 

 

Em um breve pronunciamento nesta quinta-feira (5), o candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu paciência e voltou a defender que cada voto seja contado.

“Só o povo escolhe quem será o presidente dos Estados Unidos, e cada voto tem que ser contado”, disse. “A democracia, às vezes, é confusa, pede de nós paciência, e essa paciência tem sido recompensada há mais de 240 anos. E é um sistema que todo o mundo todo inveja”.

Assista e leia também:

Campanha de Trump perde processos na Geórgia e em Michigan

A 17 delegados da vitória, Biden diminui diferença para Trump em estados-chave

Veja as mudanças nas votações dos estados nas eleições americanas desde 2000

Joe Biden fez discurso nesta quinta-feira
Joe Biden fez discurso nesta quinta-feira sobre apuração de votos nos EUA (5.nov.2020)
Foto: CNN Brasil

O candidato à presidência dos Estados Unidos afirmou também estar confiante “com o desenrolar da situação”. 

“Não temos dúvida que ao final da contagem a senadora [Kamala] Harris [vice de Biden] e eu seremos declarados vencedores”, afirmou, pedindo paciência e calma a todos. 

“O processo está funcionando, a conta está sendo concluída, e saberemos em breve”, concluiu o ex-vice de Barack Obama.

 

 

Mais Recentes da CNN