4º caso de coronavírus, Lava Jato e mais notícias da tarde de 5 de março


Da CNN Brasil, em São Paulo
05 de março de 2020 às 13:12

A confirmação do 4º caso de coronavírus no Brasil, o encontro de Jair Bolsonaro e Paulo Guedes com empresários e a retomada da Operação Lava Jato estão entre os destaques da tarde desta quinta-feira, 5 de março de 2020. 

Encontro na Fiesp

O presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Economia, Paulo Guedes, se encontraram com empresários na sede da Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), com o objetivo de estreitar o diálogo com o setor. Enquanto isso, no mercado financeiro, o dólar bateu novo recorde e chegou a marca de R$ 4,63.

Coronavírus

O Ministério da Saúde confirmou o quarto caso de coronavírus no Brasil. A paciente é uma jovem de 13 anos, moradora de São Paulo, e não apresentou sintomas da doença apesar do teste ter dado positivo. 

No início da manhã desta quinta, por meio do perfil que mantém no Twitter, o Ministério da Saúde divulgou que a contraprova de uma adolescente sobre a contaminação pelo novo coronavírus havia tido resultado positivo, mas o caso não seria contabilizado nas estatísticas oficiais pois “não preenche definição de caso para COVID-19". Após uma reunião em Brasília, especialistas mudaram a classificação do caso.

Operação Lava Jato

Astério Pereira dos Santos, ex-secretario nacional de Justiça durante o governo de Michel Temer (MDB), foi detido em nova fase da Operação Lava Jato. Ele é o terceiro integrante do Ministério Público preso pela Polícia Federal durante a operação. Foram expedidos outros oito mandados de prisão.

Chuvas 

Bombeiros continuam buscas por desaparecidos em temporal, na Baixada Santista. O número de mortos chega a 27, e a população se mobiliza para os resgates.

Ronaldinho Gaúcho

O ex-jogador Ronaldinho Gaúcho e o irmão, Roberto Assis, tiveram documentos e celulares apreendidos pela polícia do Paraguai e prestaram depoimento nesta quinta em Assunção, a capital do país. Eles são investigados por uso de passaportes falsos.