Sobe para 42 o número de desaparecidos após chuvas na Baixada Santista


Da CNN Brasil, em São Paulo
05 de março de 2020 às 13:44 | Atualizado 05 de março de 2020 às 16:45
Bombeiros trabalham na busca de desaparecidos em Guarujá

No Guarujá, bombeiros trabalham na busca de desaparecidos após chuvas e deslizamentos

Crédito: Amanda Perobelli/Reuters (3.mar.2020)

Subiu para 42 o número de desaparecidos após as fortes chuvas que atingiram a Baixada Santista na madrugada de terça-feira (3), informou a Defesa Civil do estado de São Paulo nesta quinta (5). Houve 28 mortes causadas pelos temporais.

Segundo o órgão, são 36 desaparecidos no Guarujá, cinco em Santos e dois em São Vicente. Já o número de pessoas desabrigadas está em 381 nas três cidades. Outras 102 estão desalojadas em Peruíbe, também no litoral paulista.

A Defesa Civil afirmou que 19,5 toneladas de materiais como colchões, cobertores, cestas básicas e roupas foram encaminhados ao depósito do Fundo Social de Santos. De lá, eles serão distribuídos, mediante solicitação, às defesas civis dos municípios afetados.

O coronel Walter Nyakas Junior, coordenador estadual de Proteção e Defesa Civil, e sua equipe avaliam as medidas a serem tomadas e a atuação dos grupos de resgate.