Estado de Goiás decreta fechamento de comércio para conter coronavírus


Da CNN Brasil, em São Paulo
17 de março de 2020 às 23:37
Brasileiros repatriados de Wuhan, China, chegam à base de Anápolis, em Goiás

Brasileiros repatriados de Wuhan, China, chegam à base de Anápolis, em Goiás

Foto: Adriano Machado/Reuters (09.fev.2020)

O governador do estado de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM), decretou na noite desta terça (17) o fechamento do comércio, feiras, cinemas, bares erestaurantes em todo o estado para conter o avanço do novo coronavírus (COVID-19). A medida entrará em vigor a partir desta quinta-feira (19).

A decisão não afeta hospitais, farmácias, supermercados e postos de combustível. Estabelecimentos atendendo somente por entregas também podem continuar funcionando normalmente.

Exceto em caso de emergência, atendimentos de saúde odontológica também foram suspensos, na rede pública e privada.

"Aos estabelecimentos afetados pelas medidas estabelecidas nesse decreto, abre-se a possibilidade de concessão de férias coletivas", diz o texto.

O estado de Goiás tem seis casos confirmados da COVID-19. De acordo com os dados mais recentes do Ministério da Saúde, há 291 pacientes em todo o país. 

Hoje mais cedo, foi reportada a primeira morte pela doença no Brasil, um homem de 62 anos com histórico de doenças crônicas.