Shoppings de São Paulo e de outras cidades também terão horário reduzido


Fernando Molica
Por Fernando Molica, CNN  
17 de março de 2020 às 13:53 | Atualizado 17 de março de 2020 às 15:56
Shopping Light, em São Paulo

16.mar.2020 - Shopping Light, no centro de São Paulo. Consumo afetado pelo coronavírus

Foto: JOÃO ALVAREZ/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

A exemplo do que vai ocorrer no estado do Rio de Janeiro, shoppings centers de São Paulo e de outras cidades do país também terão seu horário de funcionamento diminuído a partir desta quarta-feira (18). 

As administradoras desses centros comerciais acataram a decisão da Associação Brasileira de Shoppings Centers (Abrasce), que recomendou que todos funcionassem apenas de meio-dia às 20h.

A recomendação é válida apenas para shoppings localizados em “áreas com casos confirmados” de contaminação pelo  novo coronavírus.

 A medida é para reduzir a circulação de pessoas e diminuir os riscos de contaminação. Nos últimos dias, a movimentação em shoppings já havia caído – no Rio, o percentual de queda chegou a 40%.

Em decreto publicado hoje, o governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), recomendou que shoppings mantivessem abertas apenas áreas de alimentação, supermercados, farmácias e serviços de saúde.