Saiba como fazer cursos pela internet durante a quarentena do coronavírus


Da CNN Brasil, em São Paulo
20 de março de 2020 às 18:35
Cursos online são opção ante pandemia de coronavírus

Quem está isolado em casa para se proteger do novo coronavírus, pode aproveitar a oportunidade para fazer cursos online

Foto: Fabrizio Bensch - 19.mar.2020/ Reuters

O novo coronavírus tem obrigado milhões de pessoas pelo mundo a ficarem em casa, evitando ao máximo o contato social com outros indivíduos. Durante este período de isolamento, crescem as buscas por cursos universitários online e gratuitos. Diversas instituições oferecem uma seleção de aulas virtuais, algumas mediante pagamento e outras que não oferecem custos.

Veja abaixo uma lista de plataformas que oferecem cursos pela internet.

Lúmina

A Lúmina é uma plataforma de cursos online gratuitos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Eles são abertos a qualquer pessoa que tiver interesse em fazê-los e todo o conteúdo oferecido é desenvolvido por professores universitários, técnicos e estudantes. Os cursos são variados: vão desde Saúde Dentária Primária para Idosos até Como Produzir Vídeos com Celulares e Tablets.

Universidade de São Paulo (USP)

O e-Aulas disponibiliza conteúdos educacionais produzidos ou apoiados pela USP. A universidade informa que há mais de 1.473 horas de videoaulas disponíveis na plataforma. Para ter acesso — se não for aluno ou funcionário da instituição — precisa apenas fazer um cadastro para ter acesso ao material. Há cursos para diferentes níveis, do ensino médio à pós-graduação. A USP ressalta, no entanto, que não emite comprovantes de participação, certificados ou diplomas das aulas.

PoCA/UFSCar

O Portal de Cursos Abertos da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) conta com aulas de formação e atualização em diferentes áreas, como gestão, sustentabilidade e tecnologia na educação. Ao final do curso, é emitido um certificado.

FBV Cursos

Oferece cursos em mais de 20 áreas, como turismo, psicologia, idiomas, gestão de pessoas, assistência social, entre outras. A plataforma ainda tem a opção de validar certificados, mas cobra uma taxa que varia conforme a carga horária do curso realizado. Veja aqui.

Sebrae

O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) oferece aulas sobre inovação, empreendedorismo, planejamento, gestão financeira, marketing digital e muitos outros. O Sebrae diz que há mais de 100 cursos gratuitos na plataforma.

Senar

No Senar, os cursos são voltados para pessoas do ambiente rural que procuram formação e profissionalização. Os alunos contam com o apoio de tutores e monitores para tirar dúvidas ao longo das aulas. Entre os cursos há Floricultura, Agricultura de Baixa Emissão de Carbono no Cerrado e Bovinocultura de Corte.