Com febre e tosse, chefe do ‘centro do coronavírus’ em SP testa para coronavírus


Pedro Durán Da CNN, em São Paulo
23 de março de 2020 às 13:40 | Atualizado 23 de março de 2020 às 15:08

O médico infectologista David Uip, de 67 anos, chefe do Centro de Contingência para o coronavírus em São Paulo começou a segunda-feira com os principais sintomas da doença: febre e tosse.

Justamente por isso, decidiu não sair de casa, seguindo a mesma recomendação que dá para a população. No entanto, como está na linha de frente do combate ao coronavírus, fez o teste para descobrir se essa é a causa dos sintomas.

Uip disse à reportagem da CNN que espera o resultado ainda hoje, já que o exame deve ser tratado com prioridade por conta de sua função pública.

O médico foi chamado pelo governador João Doria para chefiar um grupo intersetorial que monitora a evolução da Covid-19 em São Paulo e desenvolve ações de prevenção pra frear o contágio de quem vive no estado.

Médico de formação e infectologista, David Uip vem dividindo o trabalho para o governo com sua agenda no consultório particular em São Paulo. Antes, ele havia sido secretário estadual da saúde na gestão de Geraldo Alckmin (PSDB) e diretor da Faculdade de Medicina do ABC.