Homem de 36 anos é o primeiro caso de morte por coronavírus em Ribeirão Preto

O paciente tinha histórico de doenças crônicas, como insuficiência renal e neoplasia óssea

Da CNN, em São Paulo
26 de março de 2020 às 15:04 | Atualizado 26 de março de 2020 às 19:43

A prefeitura de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, registrou a primeira morte pelo novo coronavírus na cidade.

De acordo com o Secretário de Saúde do município, o homem de 36 anos morreu na madrugada desta quinta-feira (26). O paciente tinha histórico de doenças crônicas, como insuficiência renal e neoplasia óssea.

O diagnóstico positivo para COVID-19 havia sido feito pelo Hospital das Clínicas (HC) de Ribeirão Preto, que notificou a Vigilância Epidemiológica na segunda-feira (23). O HC não está na relação de credenciados pelo Instituto Adolfo Lutz e o teste terá contraprova da instituição.

Ribeirão preto já registrou oito pessoas com diagnóstico positivo para a doença. Três deles, confirmados e cinco aguardam a contraprova, incluindo o do homem que morreu nesta madrugada.

O caso de Ribeirão Preto ainda não foi incluído entre os óbitos registrados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde de São Paulo.