Covid-19: Rio de Janeiro recebe mais 150 respiradores da China; total vai a 306

Também está prevista a chegada de outros três voos que vão trazer 420 equipamentos vindos da também da China

Da CNN, em São Paulo
14 de maio de 2020 às 15:47 | Atualizado 14 de maio de 2020 às 15:48

A Prefeitura do Rio de Janeiro recebeu mais 150 respiradores comprados da China e, ao todo, já conta com 306 novos equipamentos, que já começaram a ser instalados no hospital de campanha do Riocentro.

Os equipamentos chegaram entre terça (12) e quarta-feira (13) junto com monitores e equipamentos de proteção individual para médicos que atuam no hospital temporário e também em outras unidades do municípios. O pacote ainda inclui bombas infusoras, óculos de proteção e mais de 1 milhão de máscaras para os profissionais de saúde.

Leia também:

Justiça dá mais cinco dias para que leitos sejam liberados a pacientes no RJ
Ex-ministros da Saúde divergem sobre orientações da OMS em pandemia
Rio tem 758 suspeitos de Covid-19 aguardando leitos, mas há vagas; entenda

Com a chegada desses equipamentos, a previsão é que o hospital de campanha do Riocentro possa entrar em pleno funcionamento, assim como o Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, que fica em Acari, na zona norte, e é a unidade de referência para o tratamento da Covid-19 no município do Rio.

Também está prevista a chegada de outros três voos que vão trazer 420 equipamentos vindos da também da China. Essas viagens estão previstas para os dias 28, 29 e 30 de maio.