Covid-19: 12% das mortes nas capitais são de pessoas de outras cidades

Os dados são de uma pesquisa da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais; índice equivale a mais de 4.000 pessoas

Da CNN
28 de julho de 2020 às 12:07 | Atualizado 29 de julho de 2020 às 08:55

Do total de mortos pela Covid-19 em todo o Brasil, 12% das vítimas nas capitais eram moradores de outras cidades, que saíram de casa para buscar tratamento nos centros urbanos ou foram transferidos para o tratamento. 

Os dados são de uma pesquisa da Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen-Brasil). O índice equivale a cerca de 4.000 pessoas.

Assista e leia também:

Gabbardo: leitos de UTI agora serão usados para outras necessidades da população
MPF cobra Saúde sobre medidas contra desabastecimento de kits de intubação
Mortes de profissionais de enfermagem por Covid-19 caem em julho

Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, e Cuiabá, no Mato Grosso, são as que têm as maiores taxas — respectivamente, 40% e 35% das mortes registradas nesses locais eram de moradores de outros municípios.

Entre as cerca de 9.000 mortes na cidade de São Paulo, 1.200 são de pessoas que não moravam no município. 

Nessa segunda-feira (27), o Ministério da Saúde registrou 2.442.375 casos e 87.618 mortes confirmadas pela doença do novo coronavírus no Brasil. O governo federal estima que o Brasil tenha 1.667.667 recuperados da Covid-19, com 687.090 casos em acompanhamento. 

(Edição: Leandro Nomura)