Igrejas vão reabrir a partir de 15 de Agosto, em Alagoas


Julyanne Jucá, da CNN, em São Paulo
01 de agosto de 2020 às 09:01
Templo na cidade do Rio de Janeiro

Igrejas no país voltam a abrir com algumas restrições

Foto: Tomaz Silva - 30.mai.2020 / Agência Brasil

Igrejas da Arquidiocese de Maceió serão reabertas em 15 de agosto. A decisão é assinada pelo Arcebispo Metropolitano de Maceió, Dom Antônio Muniz Fernandes. 

Mesmo com a reabertura, a orientação é seguir todas as regras do protocolo sanitário, evitando aglomerações e filas, distância mínima de 1,5 metro, uso de equipamentos de proteção e higienização constante. Além disso, entre uma celebração é outra é necessário o intervalo de três horas. 

É recomendado aos idosos e às pessoas com comorbidades, do grupo de risco para a Covid-19, para que permaneçam em casa. 

"A pandemia, por causa do novo coronavírus - COVID-19, ensinou-nos, em meio a tantas aflições, novas direções para construir um mundo melhor e semear esperança. Diz-nos para ter uma atitude inclusiva, juntos aos necessitados e aos sofrimentos das pessoas, em suas mais variadas situações locais, de um modo muito pessoal. Abrir as portas da igrejas é fácil. Contudo, é preciso, em tudo, aprender um novo estilo de vida e combater o "vírus do egoísmo e dos interesses privados". E, para isso, a Igreja se faz presente como mãe, mestra e educadora. Se todos os segmentos da sociedade contribuírem, nós venceremos as pandemias,” colocou a Arquidiocese de Maceió em decreto.

A Arquidiocese de Maceió representa 102 paróquias, que estão localizadas na capital e em outras cidades do Estado do Alagoas. Segundo o Decreto estadual, igrejas e templos estão permitidos de funcionar com 50% de sua capacidade.