Ministro do Turismo troca 'número 2' da Fundação Rui Barbosa


Diego Freire, da CNN, em São Paulo
13 de agosto de 2020 às 02:13 | Atualizado 13 de agosto de 2020 às 04:14
Museu Rui Barbosa é parte da Fundação Rui Barbosa

Aberto ao público em 1930, Museu Rui Barbosa é parte da Fundação Rui Barbosa

Foto: Fundação Rui Barbosa/ Reprodução


Em portarias publicadas no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (13), o ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio realizou uma troca no cargo de diretor-executivo da Fundação Casa de Rui Barbosa, uma das principais instituições culturais do país, localizada no bairro de Botafogo, no Rio de Janeiro. 

Leia também:
Lei autoriza repasse de R$ 20 milhões para reconstrução do Museu Nacional no RJ

O posto é considerado o segundo mais importante da entidade, abaixo da presidência. Eventualmente, o diretor-executivo ocupa a chefia da instituição na vacância do presidente.

Nos atos, o ministro exonerou o atual diretor-executivo Ronaldo Leite Pacheco Amaral, nomeado em janeiro deste ano. Para seu lugar, foi nomeado Marcos José da Silva Neves, que foi servidor da Controlodaria-Geral da União (CGU) e em maio passou a exercer a função de auditor-chefe na fundação. 

Antes vinculada ao Ministério da Cidadania, a Fundação Rui Barbosa passou, após reestruturação durante o governo de Jair Bolsonaro, a ser vinculada ao Ministério do Turismo, com assessoramento e supervisão da Secretaria Especial de Cultura.