São Silvestre adiada, retorno das torcidas aos estádios e mais de 22 de setembro

Assista ao 5 Fatos Noite apresentado pela âncora da CNN Carol Nogueira

Da CNN, em São Paulo
22 de setembro de 2020 às 19:37

A aprovação do Ministério da Saúde para a volta de 30% do público aos estádios e o adiamento da corrida de São Silvestre estão entre os destaques do 5 Fatos Noite desta terça-feira, 22 de setembro de 2020.

Flávio Bolsonaro

O procurador-geral da República, Augusto Aras, vai decidir se denuncia o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) ao Supremo Tribunal Federal (STF), pelo crime de desobediência. O filho do presidente Jair Bolsonaro faltou a uma audiência de acareação marcada pelo Ministério Público Federal, que apura suspeita de vazamento de informações que teriam beneficiado o senador.

Nestor Forster

O Senado aprovou a indicação de Nestor Forster como embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Apenas três senadores foram contrários ao nome dele.

Novo Código de Trânsito

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira o projeto que altera o Código de Trânsito. A validade da CNH passa de 5 para 10 anos para quem tem até 50 anos. Motorista que provocar acidente grave e com vítima poderá ser preso. Os pontos acumulados na habilitação passam de 20 para 40.

Torcedores nos estádios

O Ministério da Saúde aprovou a volta de torcedores aos estádios de futebol com 30% da capacidade. A medida vale a partir de outubro para as séries A e B do campeonato Brasieiro e da Copa do Brasil.

São Silvestre

A corrida de São Silvestre, a principal da América Latina, foi adiada para o dia o dia 11 de julho do ano que vem, por causa da pandemia do novo coronavírus. Além desta prova, 2021 também terá outra São Silvestre, que tradicionalmente ocorre no dia 31 de dezembro.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br.

(Edição: Sinara Peixoto)