Justiça determina reabertura de São Tomé das Letras (MG) para turistas


Caroline Louise, da CNN em Belo Horizonte
16 de outubro de 2020 às 09:22

Nova decisão da Justiça de Minas Gerais permite a abertura de São Tomé das Letras para os turistas, uma das cinco cidades sem casos de Covid-19 do estado.

A liminar que havia sido concedida aos empresários da cidade de São Tomé das Letras, foi derrubada na noite de sábado (10) pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJ-MG), mas nova decisão em segunda instância fez a prefeitura publicar um decreto nesta quinta-feira (15) permitindo a reabertura do município para visitantes. 

Conforme o decreto publicado, uma barreira sanitária foi instalada na entrada da cidade, quem visita vai precisar comprovar a hospedagem em alguma das pousadas ou hotéis conseguirem entrar. Além disso, um formulário disponibilizado pelo Departamento Municipal de Turismo deverá ser preenchido pelos turistas com antecedência mínima de 2 dias da chegada ao município.

Leia também:
Justiça suspende volta às aulas presenciais em Minas Gerais

Pessoas reunidas em São Tomé das Letras, em Minas Gerais

Pessoas reunidas em São Tomé das Letras, em Minas Gerais

Foto: Reprodução/Facebook São Tomé das Letras

Todos os pontos turísticos municipais públicos e particulares seguirão fechados para impedir qualquer tipo de aglomeração.

As excursões seguem proibidas. Linhas de ônibus intermunicipais, de transporte público ou privado, continuam suspensas temporariamente para evitar casos do novo coronavírus.

A cidade estava fechada para turistas desde o dia 17 de março, quando o primeiro decreto foi publicado por conta da pandemia. Inicialmente, a medida tinha duração de 30 dias, mas depois disso passou a ser prorrogada mês a mês.