BC divulga os próximos passos do Pix nesta quinta e mais de 29 de outubro

As principais noticias da manhã desta quinta-feira (29)

Da CNN
29 de outubro de 2020 às 06:36 | Atualizado 29 de outubro de 2020 às 07:01

 

A divulgação dos próximos passos do Pix, o novo sistema de pagamento instantâneo do Banco Central, e a previsão do Instituto Butantan, que desenvolve a Coronavac, de vacinação contra a Covid-19 no próximo ano são alguns dos destaques da manhã desta quinta-feira, 29 de outubro. 

SUS

Após repercussão negativa, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) decidiu revogar o decreto que autorizava os estudos sobre a participação privada no Sistema Único de Saúde (SUS). A ideia era que pacientes do sistema público pudessem ser atendidos por hospitais particulares em locais onde postos de saúde não conseguem atender a demanda. Em entrevista à CNN, Bolsonaro confirmou a revogação e negou que a medida fosse uma privatização do sistema.

Salles

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, chamou o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de 'Nhonho', no Twitter. Foi uma resposta a uma publicação de Maia do fim de semana, em que ele diz que Salles destruiu o meio ambiente e que agora tenta destruir o próprio governo. Na manhã desta quinta-feira (29), no entanto, Salles fez novo post e disse que sua conta foi utilizada indevidamente.

Butantan

O Instituto Butantan, que desenvolve a Coronavac, descartou a imunização contra a Covid-19 ainda em 2020. Em entrevista à CNN, o diretor, Dimas Covas, disse que é preciso aguardar a chegada de insumos, o que deve acontecer no meio de novembro. Por isso, o cronograma da vacina deve ser atrasado em pelo menos um mês.

Pix

O Banco Central divulga nesta quinta-feira (29) os próximos passos para o funcionamento do Pix, o novo sistema de pagamento instantâneo. Até agora, mais de 55 milhões de chaves já foram cadastradas.

Lockdown

Em meio à segunda onda de novo coronavírus na Europa, França e Alemanha anunciaram lockdown para evitar o colapso dos hospitais. Bares e restaurantes serão fechados e apenas escolas podem funcionar.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

 (Edição: André Rigue)