SP volta a ampliar restrições contra Covid-19 e mais da tarde de 30 de novembro

5 Fatos Tarde, apresentado por Tais Lopes, repercute principais notícias do Brasil e do mundo

Da CNN
30 de novembro de 2020 às 14:17


O reforço às restrições contra a pandemia de Covid-19 no estado de São Paulo, a solicitação da Moderna para uso emergencial da vacina nos Estados Unidos e o pagamento da primeira parcela do 13º estão entre os destaques do 5 Fatos Tarde desta segunda-feira, 30 de novembro de 2020.

Vacina da Moderna

A farmacêutica Moderna anunciou que vai entrar com o pedido de uso emergencial da vacina que desenvolve contra a Covid-19 na agência regulatória americana. De acordo com dados do estudo, o imunizante apresentou mais de 94% de eficácia contra a doença. A Moderna é a segunda empresa dos Estados Unidos a entrar com a solicitação.

SP regride para fase amarela

O estado de São Paulo regrediu para a fase amarela do plano de retomada das atividades durante a pandemia. A decisão foi tomada por conta do aumento dos casos de Covid-19 e de internações. As regiões mais críticas no estado são: ABC Paulista, Baixada Santista e Sorocaba. A mudança acontece um dia da reeleição do prefeito Bruno Covas (PSDB). 

Renda Cidadã

O ministro da Economia, Paulo Guedes, vem defendendo nos bastidores uma nova ideia para o Renda Cidadã, o programa social quer criar para substituir o Bolsa Família. A sugestão de Guedes é usar recursos das chamadas emendas de bancada. A ideia já foi dada ao relator da PEC emergencial, o senador Márcio Bittar. As informações são do analista da CNN Igor Gadelha.

Escolas fecham no RJ

As escolas estaduais do Rio de Janeiro voltam a fechar a partir de hoje. A decisão foi tomada pelo governo do estado depois que quatro regiões registraram um aumento expressivo no número de casos de Covid-19. As aulas presenciais seguem em apenas quatro municípios. O prefeito eleito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, disse que, neste momento, está descartado um possível lockdown.

13º salário

A primeira parcela do 13º precisa ser paga hoje pelas empresas. O valor equivale a 50% do salário e não tem nenhum desconto. Segundo uma pesquisa divulgada recentemente, 32% dos trabalhadores pretendem usar o dinheiro para comprar presentes de Natal.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br