Curitiba proíbe fogos de artifício com barulho; multa pode chegar a R$ 18 mil

Lei foi sancionada em 2019 pelo prefeito Rafael Greca (DEM) e passa a valer neste domingo (20)

Da CNN, em São Paulo
20 de dezembro de 2020 às 10:27 | Atualizado 20 de dezembro de 2020 às 10:32


Fogos de artifício com barulhos estão proibidos em Curitiba a partir deste domingo (20). Poderão ser utilizados apenas os artefatos que têm efeitos luminosos, mas que não emitem sons incômodos aos ouvidos. 

A lei foi aprovada na Câmara Municipal e sancionada no ano de 2019 pelo prefeito Rafael Greca (DEM), mas houve um prazo de 365 dias para que a legislação entrasse em vigor.

Leia e assista também:
Produtos da ceia de Natal estão até 40% mais caros
Fim do mistério: nos 40 anos do Chester, empresa divulga fotos do animal vivo
Após suspensão do lockdown, Búzios registra 30% de ocupação em hotéis e pousadas

 

O motivo da regra é não perturbar e assustar idosos, crianças, pessoas com espectro autista e animais de estimação.

Para quem infringir a lei, a multa pode variar de R$ 5.300 até R$ 18 mil. A fiscalização será feita pela Secretaria do Meio Ambiente e pela Guarda Municipal. 

Fogos de artifício que causam barulho estão proibidos em Curitiba
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
 

(Publicado por: André Rigue)