Profissionais de saúde de hospital referência serão os primeiros vacinados no ES

Em entrevista à CNN, Renato Casagrande (PSB) falou sobre o início da imunização com a Coronavac no estado

Da CNN, em São Paulo
18 de janeiro de 2021 às 14:51 | Atualizado 18 de janeiro de 2021 às 14:53


O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), falou, em entrevista à CNN nesta segunda-feira (18), após reunião com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que a prioridade da imunização com a Coronavac no estado será para os profissionais de saúde do hospital Dr. Jayme Santos Neves, referência no combate à pandemia do novo coronavírus.

"Se [o primeiro lote da Coronavac] chegar até as 15h ou 16h, começamos efetivamente a vacinar hoje ainda. Vamos vacinar primeiro os profissionais de saúde do nosso hospital de referência contra a Covid-19, o hospital Dr. Jayme Santos Neves", disse Casagrande. "A partir de amanhã, vamos encaminhar também para os municípios", completou.

Segundo o governador, o Espírito Santo receberá do governo federal 95 mil doses da Coronavac, imunizante que teve o uso emergencial aprovado pela Anvisa no domingo (17). O primeiro lote da vacina, afirmou Casagrande, será capaz de imunizar até 48 mil capixabas, que receberão duas doses.

Nesta manhã, Pazuello se reuniu com governadores no centro logístico do Ministério da Saúde na cidade de Guarulhos, em São Paulo, para a entrega simbólica das primeiras doses da vacina Coronavac distribuídas pelo governo federal. No encontro, o ministro da Saúde afirmou que a vacinação contra a Covid-19 começa "hoje, no fim do dia", em todo o país.

Aos governadores, Pazuello ainda garantiu o repasse de doses de demais fabricantes de vacinas contra a Covid-19.

"O ministro disse que nessa semana ainda receberá as 2 milhões de doses [da vacina de Oxford] da Índia. Nós perguntamos também sobre a aprovação das vacinas produzidas no Brasil. Ele disse que, em mais 10 dias, tanto a vacina do Butantan como a da Fiocruz passam também a serem aprovadas", afirmou Casagrande.

Governador do Espírito Santo, Renato Casagrande falou à CNN sobre o início da imunização contra Covid-19 no estado
Foto: CNN Brasil (19.jan.2021)

(Publicado por Daniel Fernandes)