Não sabemos quando vacinação de idosos acima de 75 anos começará, diz secretário

Imunização de profissionais de saúde contra a Covid-19 começou no domingo (17) na cidade

da CNN, em São Paulo
19 de janeiro de 2021 às 22:47 | Atualizado 19 de janeiro de 2021 às 22:59


O secretário municipal da Saúde de São Paulo, Edson Aparecido, afirmou em entrevista à CNN nesta terça-feira (18), que ainda não se sabe quando a vacinação contra de idosos com mais de 75 anos contra a Covid-19 vai começar na cidade. A imunização de profissionais de saúde teve início no domingo (17) em São Paulo.

“Temos 500 mil profissionais de saúde em São Paulo, na rede pública e privada, e recebemos na tarde de hoje 203 mil doses para que a gente possa vacinar algo em torno de 30% a 35% dos nossos profissionais de saúde. Por isso, adotamos um critério a medida, que é vacinar, neste momento, aqueles profissionais médicos, enfermeiros e auxiliares que estão na linha de frente no tratamento da Covid-19 na cidade de São Paulo”, explicou.

Aparecido enfatizou que não será possível “vacinar todos” agora. “Daqui a 10, 15 dias vamos receber o segundo lote de mais 203 mil vacinas e depois vamos ter que receber mais 300 mil vacinas para poder terminar de vacinar todos os profissionais de saúde. Não temos previsão neste momento de quando vamos efetivamente iniciar a vacinação de idosos com mais de 75 anos”, disse.

O secretário, entretanto, lembrou que a cidade tem toda a infraestrutura necessária para iniciar a vacinação contra a doença imediatamente.

“Por isso que achamos que a cidade de São Paulo poderia ter recebido maior quantidade de vacinas na medida que temos 500 mil profissionais, aqui recebemos pacientes de todo o Brasil e de todas as cidades do estado”, falou.

“Com este critério de divisão [proporcionalmente à população] em uma cidade que tem 8 mil habitantes por km², evidentemente, nós vamos ter um tempo maior para vacinar todas as pessoas que estão no critério estabelecido pelo Ministério da Saúde.”

8 mil vacinados

Com a aprovação das primeiras vacinas para uso emergencial no Brasil, o Hospital das Clínicas de São Paulo preparou um plano para vacinar todos os funcionários e colaboradores do complexo hospitalar até o próximo final de semana. Até o momento, foram vacinadas mais de 8 mil pessoas no local.

O esforço vem dando resultados e nesta terça foram vacinadas 6.950 pessoas. O complexo das Clínicas tem atualmente 30 mil funcionários.

Para atingir a meta de imunizar toda sua equipe em uma semana, o Hospital das Clínicas está vacinando das 7h até as 19h. Os profissionais estão sendo chamados para comparecer ao local de imunização por convocações da direção do hospital em ordem alfabética.

(Publicado por Sinara Peixoto)