Frederick Wassef é indiciado por injúria racial contra funcionária de pizzaria

Segundo o relato de uma funcionária da pizzaria à polícia, o advogado a teria chamado de "macaca" após não ter gostado de uma pizza

Vianey Bentes, da CNN, em Brasília
09 de fevereiro de 2021 às 22:50 | Atualizado 09 de fevereiro de 2021 às 22:53
Advogado foi indiciado e caso será investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal
Foto: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

A Polícia Civil do Distrito Federal indiciou o advogado Frederick Wassef pelo crime de injúria racial contra Danielle Oliveira, de 18 anos. O caso aconteceu em novembro do ano passado em uma pizzaria num shopping no Lago Norte, bairro nobre de Brasília. 

A informação foi confirmada à CNN pela assessoria de comunicação social da Polícia Civil. O inquérito foi concluído na semana passada e foram ouvidas a vítima e três testemunhas.

Segundo o relato de uma funcionária da pizzaria à polícia, o advogado a teria chamado de "macaca" após não ter gostado de uma pizza. 

A CNN procurou a defesa do advogado, mas, até o momento da publicação, não teve retorno.