Prefeitura do Rio adia início das aulas presenciais para alunos acima de 8 anos

Retorno estava previsto para esta quarta-feira (17); apenas estudantes da pré-escola, 1 º e 2 º anos terão aulas presenciais este mês

Thayana Araujo e Pauline Almeida, da CNN
16 de março de 2021 às 07:53 | Atualizado 16 de março de 2021 às 11:18

A prefeitura do Rio de Janeiro decidiu adiar em duas semanas o início da segunda fase do retorno das aulas presenciais que contempla os alunos do 3 º, 4º, 5 º, 6 º e 9 º anos. O ensino seguirá remoto. A volta presencial desses alunos aconteceria nesta quarta-feira (17).

Com a decisão, apenas os estudantes da pré-escola, 1 º e 2 º anos, com idades, em média, entre 4 e 8 anos, terão aulas presenciais este mês. Continua previsto o retorno nesta quarta (17) de quase 150 escolas. O Plano de Volta às Aulas da capital já previa o faseamento do retorno presencial sujeito a algumas alterações.

O prefeito Eduardo Paes defende que escolas sejam as últimas a serem fechadas em caso de medidas mais severas para conter a propagação do coronavírus.

O retorno às aulas presenciais é facultativo. O aluno que optar em não ir à escola, seguirá estudando por meio do ensino remoto. Desde o início do ano letivo, em 8 de fevereiro, os estudantes podem conferir as videoaulas elaboradas e apresentadas por professores da Rede Municipal.

Nas redes sociais da prefeitura do RJ, a população se manifestou a favor do fechamento de escolas neste período crítico da pandemia. “Não faz sentido manter nenhuma escola aberta.”, dizia uma das postagens.