Só o tempo vai dizer se mudanças aumentarão acidentes, diz diretor do Detran-SP

Ernesto Mascellani Neto analisou as mudanças no Código de Trânsito Brasileiro, principalmente a alteração que amplia o limite de pontos na carteira para 40

Produzido por Layane Serrano, da CNN São Paulo
12 de abril de 2021 às 13:12

Começa a valer nesta segunda-feira (12) as mudanças do Código de Trânsito Brasileiro. Segundo Ernesto Mascellani Neto, diretor-presidente do Detran SP, apesar das alterações aumentarem o limite de pontos na carteira de motorista (de 20 para 40), não é possível afirmar se os acidentes também aumentarão.

“Só o tempo vai dizer se as mudanças vão aumentar os acidentes, o importante é manter a consciência no trânsito. As fiscalizações vão continuar a acontecer e o Detran continua apoiando essas ações para oferecer maior segurança para o cidadão,” disse Mascellani.

O diretor-presidente do Detran-SP também classificou como normal as mudanças no código, e disse que as próximas alterações deveriam se focar em deixar o texto da legislação mais simples.

"O código de trânsito é de 1998 e já foi alterado 36 vezes. Minha crítica é que ele deveria ser mais simples, seria mais fácil das pessoas entenderem, deixando de lado alguns pontos técnicos”, explicou.

Motoristas enfrentam trânsito na zona sul após novas medidas de isolamento em SP
Motoristas enfrentam trânsito na zona sul de São Paulo
Foto: CNN (04.mai.2020)

Mudanças

Aprovado em outubro de 2020, o dispositivo traz 57 alterações sobre o Código de Trânsito Brasileiro com mudanças nos prazos de renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no número de pontos que podem gerar a suspensão de dirigir e na punição de quem causar uma morte ao conduzir o veículo após ter ingerido bebida alcoólica ou ter usado drogas. Veja todos os pontos alterados.