Testes de nova vacina chinesa no Brasil e mais da noite de 19 de abril

Confira as notícias mais importantes da noite desta segunda-feira, 19 de abril de 2021

Da CNN, em São Paulo
19 de abril de 2021 às 19:53

A autorização para testes de mais uma vacina chinesa no Brasil pela Anvisa, a análise da eficácia da vacina Sputnik V e a vacinação em massa nos Estados Unidos são alguns dos destaques da noite desta segunda-feira, 19 de abril de 2021.

Vacina em testes

A Anvisa autorizou testes no Brasil de mais uma vacina da China contra o novo coronavírus. O imunizante - em duas doses - da Clover Biopharmaceuticals será testado em cerca de 12 mil voluntários no Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte e Rio de Janeiro.

Eficácia

A vacina russa Sputnik V tem eficácia de 97,6% contra o novo coronavírus. A afirmação é do Instituto Gamaleya, que desenvolveu o imunizante. O estudo ainda será revisado por outros cientistas e publicado em uma revista médica em maio.

Farpas

O atual e o ex-presidente da Câmara dos Deputados trocaram críticas nas redes sociais. Arthur Lira (PP-AL) escreveu que o Orçamento só foi aprovado agora por causa das dificuldades criadas pela gestão do antecessor e os compromissos políticos dele. Rodrigo Maia (DEM-RJ) respondeu com ironia: disse que Lira virou humorista e que defender a sanção do Orçamento "é uma piada".

Ânimo no mercado

O discurso de Silva e Luna como o novo presidente da Petrobras animou o mercado e as ações da estatal subiram 5,8%. Luna afirmou que tem a intenção de "reduzir a volatilidade dos preços sem desrespeitar a paridade de importação".

Vacinando a passos largos

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, confirmou que qualquer cidadão com 16 anos ou mais já pode se imunizar contra a Covid-19 no país e fez um apelo nas redes sociais para aumentar a adesão à campanha de vacinação. Mais da metade dos adultos nos Estados Unidos recebeu pelo menos uma dose de vacina contra o novo coronavírus.

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em https://newsletter.cnnbrasil.com.br

(Publicado por Daniel Fernandes)