Waack: o Brasil poderia ter tido mais vacinas mais cedo

É a principal conclusão a partir do depoimento de um executivo da Pfizer, uma das principais fabricantes de vacinas do mundo

William Waack
Por William Waack, CNN  
14 de maio de 2021 às 00:21

O Brasil poderia ter tido mais vacinas mais cedo. É a principal conclusão a partir do depoimento de um executivo da Pfizer, uma das principais fabricantes de vacinas do mundo.

O executivo depôs nesta quinta-feira (13) na CPI da Pandemia e deu detalhes das negociações entre a empresa dele e o governo brasileiro, que levaram seis meses entre a primeira oferta e o contrato assinado.

Profissional de saúde prepara dose de vacina Pfizer/BioNTech contra Covid-19 para aplicação em Tóquio, em 17/02/2021
Foto: ehrouz Mehri/Pool via REUTERS