CPI ouve servidor da Saúde, variante Delta, Correios e mais de 9 de julho

Confira o '5 Fatos Manhã', com as principais notícias do dia

Da CNN, em São Paulo
09 de julho de 2021 às 07:29

O depoimento do técnico da divisão de importação do Ministério da Saúde na CPI da Pandemia e o estudo sobre a variante Delta do coronavírus são os destaques do 5 Fatos Manhã desta sexta-feira, 9 de julho de 2021.

Resposta do presidente

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, em transmissão ao vivo nas redes sociais, que não vai responder à carta da cúpula da CPI da Pandemia que cobra um posicionamento a respeito das denúncias feitas pelo deputado Luis Miranda (DEM-DF) à comissão, que aponta possíveis irregularidades na negociação pela vacina Covaxin.

CPI da Pandemia

A CPI da Pandemia ouve hoje, a partir das 9h, o técnico da divisão de importação do Ministério da Saúde William Amorim Santana. Os senadores aprovaram o convite a William -- que vai depor na condição de testemunha -- na sessão desta quarta-feira (8) e esperam obter detalhes das negociações entre o governo federal e a Bharat Biotech.

Variante Delta

Um estudo liderado pelo Instituto Pasteur, da França, indicou que a variante Delta do coronavírus causador da Covid-19 precisa de duas doses dos imunizantes da Pfizer ou da AstraZeneca para ser contida pelo organismo de seres humanos. Segundo os cientistas, a variante Delta mostrou ter maior facilidade que o vírus original - ou mesmo outras cepas - para "driblar" o sistema imunológico.

Correios

Relator da comissão especial que discute a privatização dos Correios, o deputado federal Gil Cutrim (Republicanos-MA) deu parecer favorável à privatização da empresa em um processo que prevê estabilidade de 18 meses aos servidores, contados a partir da data da desestatização. O documento, obtido com exclusividade pela CNN, aponta que, para o relator, é juridicamente viável delegar o serviço postal para a iniciativa privada por meio de um contrato de concessão.

Desabamento em Miami

Subiu para 64 o número de mortos no desabamento de um prédio em Miami, nos Estados Unidos, em 24 de junho. Equipes resgataram ontem os corpos de mais 10 pessoas sob os escombros. Outras 76 seguem desaparecidas

Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br