Recondução de Aras, queixa-crime de Randolfe e mais da noite de 20 de julho

5 Fatos Noite, apresentado por Carol Nogueira, repercute as principais notícias do Brasil e do mundo

Da CNN, em São Paulo
20 de julho de 2021 às 19:12

Recondução de Augusto Aras para a Procuradoria-Geral da República, Randolfe Rodrigues entra com queixa-crime contra Bolsonaro, posse do novo primeiro-ministro do Haiti e mais da noite desta terça-feira, 20 de julho de 2021.

Recondução

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que encaminhou ao Senado a proposta de recondução de Augusto Aras à Procuradoria-Geral da República. Se for aprovado pelos senadores, Aras poderá continuar no cargo por mais dois anos.

Em conjunto

A Polícia Federal pediu ao Supremo Tribunal Federal que decida se o deputado federal Luís Miranda (DEM-DF) deve ser investigado em conjunto com o presidente Jair Bolsonaro no caso da negociação da vacina Covaxin. O deputado disse - em entrevista à CNN e na CPI da Pandemia - que denunciou supostas irregularidades no contrato ao presidente, mas que Bolsonaro não fez nada.

Queixa-crime

O vice-presidente da CPI da Pandemia, Randolfe Rdrigues (REDE-AP), apresentou uma queixa-crime contra o presidente Jair Bolsonaro. No documento encaminhado ao STF, Randolfe diz que foi alvo de difamação.

Investigações

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, decidiu enviar para a justiça de Altamira, no Pará, as investigações sobre Ricardo Salles. A mudança aconteceu após pedido da Polícia Federal. A PF também indiciou ao STF que uma das apurações que atingem o ex-ministro do Meio Ambiente aponta para o uso de documentos falsos.

Posse

O novo primeiro-ministro do Haiti tomou posse nesta terça-feira (20). O neurologista Ariel Henry disse esperar que a comunidade internacional apoie o novo governo. O país vive uma grave crise política e social após o assassinato do presidente Jovenel Moise.

 Newsletter

Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br

O procurador-geral da República, Augusto Aras, substituiu seu vice José Bonifácio Borges de Andrada pelo subprocurador-geral Humberto Jacques de Medeiros
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

(publicado por Fernanda Colavitti)