Para evitar boicote, Bolsonaro muda horário de reunião com chefes de poderes


Caio Junqueira e Gabriela Coelho Da CNN Brasil, em Brasília
18 de março de 2020 às 16:35
Jair Bolsonaro no Planalto

Bolsonaro participa de cerimônia no Palácio do Planalto (11.fev.2020)

Foto: Adriano Machado/Reuters

O Palácio do Planalto antecipou o horário da reunião que convocou com para receber os presidentes do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, para evitar que as autoridades não comparecessem.

O motivo é que no horário idealizado por Bolsonaro para o encontro, às 20 horas, está previsto um panelaço contra o Bolsonaro. As autoridades queriam evitar o constrangimento de estarem com Bolsonaro no momento em que ocorrerá a manifestação.

A antecipação surtiu o primeiro efeito. Dias Toffoli disse que irá ao palácio encontrar Bolsonaro. Alcolumbre e Maia, porém, ainda hesitam em comparecer.