Senado vota decreto de calamidade no início da próxima semana, diz Anastasia


Rudá Moreira Da CNN Brasil, em Brasília
19 de março de 2020 às 08:43 | Atualizado 19 de março de 2020 às 08:45
Plenário do Senado

Senado irá fazer votações à distância durante a pandemia de COVID-19

Foto: Wilson Dias/ Agência Brasil

O decreto que institui estado de calamidade pública no país até 31 de dezembro, deve ser votado pelos senadores “no início da semana que vem”, promete o presidente em exercício do Senado, Antonio Anastasia (PSD-MG).

A votação será feita de forma virtual, à distância. Em nota enviada pela assessoria de imprensa na manhã desta quinta-feira (19), em resposta à CNN, o senador Anastasia diz que o sistema online já estará pronto na semana que vem.

Pereira e Anastasia assumiram, simultaneamente, os cargos ocupados por Davi Alcolumbre, que está afastado e em isolamento domiciliar depois de ter sido diagnosticado com o novo coronavírus.

Nota de Antônio Anastasia

“Com a chegada do pedido de reconhecimento de calamidade pública ao Senado, a proposta deverá ser votada no início da próxima semana quando é previsto o início do funcionamento do Sistema de Deliberação Remota (SDR)."