Câmara deve votar ajuda a estados e municípios até sexta-feira, diz relator

Jornal da CNN entrevistou o relator do Plano Mansueto, o deputado Pedro Paulo (DEM-RJ)

Da CNN, em São Paulo
31 de março de 2020 às 22:49 | Atualizado 31 de março de 2020 às 22:55

O Plano Mansueto será votado na Câmara dos Deputados até sexta-feira (3), disse o deputado Pedro Paulo (DEM-RJ), relator do projeto, em entrevista à CNN nesta terça-feira (31). Batizado com o sobrenome do autor -- o secretário do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida -- o plano visa socorrer estados e municípios com dificuldades fiscais. 

Com a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus, o projeto teve alterações no texto e ganhou urgência, mas, segundo Pedro Paulo, o relatório está “praticamente alinhado no ponto de vista técnico e político" e "está pronto para ser votado na Câmara”. 

O plano foi concluído para atender o médio e longo prazo e, agora, tem um capítulo voltado para esse momento de calamidade, disse o relator. Enxertou-se nele, por exemplo, a suspensão da dívida para estados e municípios com o Tesouro Nacional até dezembro.

“Esse é um projeto que vai ajudar muito os estados e municípios nesse momento para enfrentar essa crise econômica que estamos passando”, afirmou.