André Mendonça promete 'trabalho técnico' no Ministério da Justiça

Ex-AGU usou o Twitter para agradecer nomeação do presidente Jair Bolsonaro e apresentar compromisso ao assumir a pasta antes ocupada por Sergio Moro

Da CNN, em São Paulo
28 de abril de 2020 às 12:22 | Atualizado 28 de abril de 2020 às 12:36
Bolsonaro nomeou o então advogado-geral da União, André Mendonça, como novo ministro da Justiça e Segurança Pública
Foto: Valter Campanato - 29.abr.2019/ ABr

O novo ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, usou a conta que mantém no Twitter para agradecer ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela nomeação e para prometer que fará um “trabalho técnico” no novo cargo.

“Agradeço ao presidente Jair Bolsonaro por confiar a mim a missão de conduzir as políticas públicas de Justiça e Segurança do nosso país”, escreveu o novo titular da pasta.

“Meu compromisso é continuar desenvolvendo o trabalho técnico que tem pautado minha vida. Conto com o apoio do povo brasileiro! Que Deus nos abençoe!”, completou.

A mensagem foi compartilhada mais de 4,9 mil vezes, recebeu mais de 38,5 mil curtidas e quase 6 mil comentários na rede social até as 12h10 desta terça.

Confirmação no DOU

O nome de Mendonça como substituto de Sergio Moro foi confirmado nesta terça em publicação no Diário Oficial da União (DOU). A mesma edição do DOU confirmou a nomeação do diretor da Abin, Alexandre Ramagem, para a direção-geral da Polícia Federal.

As duas nomeações foram antecipadas pela CNN. Para o lugar de Mendonça na AGU, Bolsonaro nomeou José Levi Mello do Amaral Júnior.

Perfil

De perfil conciliador, voz calma, sorridente, Mendonça é advogado público de carreira, já trabalhou com o presidente do STF, Dias Toffoli, quando ele ocupava a cadeira de advogado-geral da União.

Na AGU, exerceu os cargos de corregedor-geral e de diretor de Patrimônio e Probidade, dentre outros. Mendonça assumiu o comando da AGU em 2019, com a chegada de Bolsonaro à presidência.