Congresso suspende recesso do meio de ano em razão da pandemia

Intervalo previsto na Constituição iria de 17 a 31 de julho

Da CNN, em Brasília
18 de maio de 2020 às 15:38 | Atualizado 18 de maio de 2020 às 19:43

As duas casas do Congresso Nacional, Senado e Câmara dos Deputados, não terão recesso parlamentar no meio do ano em razão da pandemia do novo coronavírus. A decisão do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) foi anunciada nesta segunda-feira (18).

"A Presidência do Senado informa que, após reunião de líderes partidários realizada na manhã desta segunda-feira (18), não haverá recesso parlamentar no período de 17 a 31 de julho deste ano, previsto na Constituição. A decisão foi tomada pelos parlamentares em razão da pandemia da covid-19 no país", diz comunicado do parlamentar, que também preside o Congresso.

Desde março, a Câmara e o Senado alteraram seu funcionamento em razão da proliferação da Covid-19 e adotaram medidas como sessões por videoconferência ou votações remotas.